Receita para crescer

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Compartilhar no print

O Banco Central do Brasil (Bacen) tem feito ações para o desenvolvimento do cooperativismo de crédito no país, proporcionando mais força, competitividade e sustentabilidade ao segmento. E foi pensando nestes três pilares que há quatro anos as Unicreds Nova Friburgo, Petrópolis e Regional Sul Fluminense se fundiram e constituíram a Unicred Serra Mar, uma das maiores singulares do estado do Rio de Janeiro.

Hoje a cooperativa – que possui quase 11 mil associados e abriu, no Centro do Rio de Janeiro, o seu 13º e mais recente Ponto de Atendimento – vem se destacando pela competitividade.

Agência Diva Benevides, inaugurada em junho de 2019

Dados disponibilizados pelo Bacen mostram que em 2015 a Unicred Serra Mar captou cerca de R$ 193,5 milhões. No ano passado, esse número saltou para R$ 261,4 milhões, gerando sobras de aproximadamente R$ 2 milhões.

O presidente da Unicred Serra Mar, Márcio Lugon, enfatizou que o crescimento da cooperativa se deve, também, à um novo portfólio: “Temos um número inferior de cooperados se compararmos com singulares de outras centrais. Para inverter esse quadro, deixamos de ficar engessados a um modelo de cartela de serviços”, comentou.

Márcio Lugon, Presidente da Unicred Serramar

Um desses exemplos é a modalidade de empréstimos para compra de placas fotovoltaicas. “Essa já era uma demanda de nossos cooperados, que veem na energia limpa e econômica uma tendência. Porém, nossas taxas eram altas e tínhamos pouco retorno. Recentemente, decidimos diminuir os valores e o número de pedidos aumentou”, argumentou Lugon.

Médicos, veterinários, enfermeiros, farmacêuticos, profissionais de educação física, contadores, advogados, engenheiros, arquitetos, administradores e economistas são alguns dos profissionais que podem ser associados à Unicred Serra Mar.

Investimento nos colaboradores

Profissionais mais bem preparados e capazes de promover o desenvolvimento da cooperativa é uma das metas da Unicred Serra Mar. A instituição utiliza o Fundo de Assistência Técnica Educacional e Social (Fates), destinado à prestação de assistência aos associados, familiares e empregados da Cooperativa.

“Entendemos que o crescimento da cooperativa depende dos nossos colaboradores serem incentivados e, por isso, investimos no aperfeiçoamento profissional No Ponto de Atendimento de Nova Friburgo, por exemplo, temos inúmeros exemplos de profissionais que fizeram graduação, pós-graduação e cursos de certificação (CPA 10 e CPA 20)”.

É o caso de Leon Blaudt, auditor interno. “Estava trabalhando em uma fábrica por 10 anos quando recebi a oportunidade de atuar na cooperativa. Comecei como caixa, fui crescendo, estudando e fiz duas faculdades. Acho fundamental que as empresas façam esse tipo de investimento”, resumiu.

Fonte: Comunicação Sistema OCB/RJ

Comunicação

Comunicação

Você também pode gostar de:

Agenda Institucional

[tribe_mini_calendar limit="3"]