Cooparioca fará o transporte de profissionais do Governo Federal no Rio de Janeiro

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Compartilhar no print

O Ministério da Economia concluiu o pregão eletrônico para contratação de serviço de transporte de servidores, empregados e colaboradores dos órgãos e entidades da administração pública federal no município do Rio de Janeiro e sua região metropolitana. 

Segundo a pasta, a Cooperativa de Trabalho de Táxi Carioca Ltda (Cooparioca) foi a vencedora com o preço de R$ 2,89 por quilômetro rodado, valor 10% inferior ao máximo estimado de R$ 3,21. É mesmo modelo adotado em Brasília, que usa chamadas por aplicativo para solicitar transporte.

Com a implantação desse tipo de sistema, que já atende os servidores federais no Distrito Federal desde 2017, o governo deverá economizar 48% nos gastos com serviço de transporte dos servidores que atuam na região do Rio de Janeiro. A contratação equivale a 5,1 milhões de quilômetros que deverão ser percorridos num período de 12 meses, totalizando o valor de R$ 14,73 milhões. Atualmente, os órgãos integrantes da Administração Pública no RJ pagam, em média, R$ 5,56 pelo quilômetro rodado. Com o TáxiGov, o gasto será de R$ 2,89.

 A expectativa é de que 51 instituições federais, incluindo hospitais, agências reguladoras, institutos federais, universidades, Banco Central, Comissão de Valores Mobiliários, Arquivo Nacional entre outros migrem para o novo sistema. No Distrito Federal, o uso do TáxiGov, em substituição a veículos próprios e alugados, reduziu em mais de 60% os gastos com transporte de servidores. O próximo estado a aderir ao serviço será São Paulo.

Fonte: Convergência Digital

Comunicação

Comunicação

Você também pode gostar de:

Agenda Institucional

[tribe_mini_calendar limit="3"]