Lideranças do cooperativismo de crédito participam de conferência no Rio de Janeiro

Lideranças do cooperativismo de crédito participam de conferência no Rio de Janeiro

Se o cooperativismo de crédito precisava de uma ação de fortalecesse o segmento no estado do Rio de Janeiro, ela começou no dia 27 de setembro. Neste dia aconteceu a Conferência das Lideranças do Cooperativismo de Crédito (CLICC Rio 2020), promovida pelo Sicoob Central Rio, Sicredi Rio e Unicred Central RJ/MT, com o patrocínio do Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo do Estado do Rio de Janeiro (Sescoop/RJ).

Durante todo o dia, dirigentes se reuniram com o intuito de discutir a evolução da sociedade e da economia do Rio de Janeiro nos próximos anos e os seus impactos no cooperativismo financeiro. Além disso, o evento contou com palestras de reconhecidos especialistas para ampliar o conhecimento das lideranças cooperativistas acerca do ambiente socioeconômico e das principais tendências tecnológicas, demográficas e regulatórias.

A Conferência foi dividida em temas, como o “Sistema Financeiro e Cooperativismo de Crédito”, “A Revolução Digital e o Futuro dos Bancos”, “Evolução do Marco Regulatório do Cooperativismo de Crédito” e, por fim, “O Perfil Socioeconômico da População Fluminense e as Tendências de sua Evolução nos Próximos Anos”.

No geral, os painéis demonstraram que o cooperativismo de crédito tem um grande potencial de crescimento. No painel “Sistema Financeiro e Cooperativismo de Crédito”, o Professor Titular do Departamento de Administração da Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da Universidade de São Paulo no campus de Ribeirão Preto, Alberto Matias, conversou sobre o cenário econômico internacional e nacional e as oportunidades que o cooperativismo de crédito fluminense têm.

“O cooperativismo de crédito é a maior rede financiadora do Brasil e, hoje, já tem uma participação de quase 4% no Sistema Financeiro Nacional. Além disso, as operações realizadas por essas instituições possuem crescimento muito maior do que as registradas por bancos privados. Ou seja, é uma oportunidade onde as cooperativas têm totais chances de crescer”, afirmou Matias.

Outro ponto que chamou a atenção no encontro foi uma radiografia apresentada pelo palestrante Carlos Alberto dos Santos, consultor da Cosinergia Finanças e Empreendimentos. Segundo dados apresentados por ele, o cooperativismo financeiro tem apenas 0,9% da população fluminense inserida, abaixo dos 3,7% registrados no Brasil e dos 2,6%, no Sudeste. “Apenas 39% dos municípios do Estado do Rio de Janeiro são atendidos pelo segmento. Portanto, com todos esses dados é necessário dizer que a união das três centrais cooperativas, como acontece no CLICC Rio 2020 é fundamental para a expansão”, comentou.

Ainda durante a Conferência, lideranças acompanharam palestras com as participações do Economista-chefe e fundador do Centro de Políticas Sociais da Fundação Getúlio Vargas (FGV), Marcelo Neri, que mostrou o cenário fluminense, dando um panorama econômico e social do estado como um todo. Já o Partner e Head of Digital Transformation da Kick Corporate Ventures e VP de Inovação do ISCBA, Cezar Taurion, abordou o papel da tecnologia atualmente e como o cooperativismo de crédito pode atuar.

Por fim, também aconteceu palestra com Chefe de Gabinete do Diretor de Regulação no Banco Central do Brasil, José André Calvino Mendes Pereira. Ele, que também coordena, pelo BCB, o acordo de cooperação técnica com a Organização das Cooperativas Brasileiras (OCB), falou sobre as regulações do segmento Crédito junto ao Banco Central.

Dirigentes

Entre os três dirigentes das centrais realizadoras do evento, o sentimento é de que a Conferência é um pontapé inicial para o fortalecimento e consolidação do segmento no estado. O Presidente do Sistema OCB/Sescoop-RJ, Marcos Diaz, ratificou a posição dos três dirigentes das centrais de crédito e afirmou que “as cooperativas financeiras são capazes de promover a redução das desigualdades sociais e, consequentemente, o crescimento da economia brasileira”.

O presidente do Sicoob Central Rio, Dr. Luiz Antônio Ferreira de Araújo disse que o CLICC Rio 2020 consolida o trabalho de integração e parceria entre os três sistemas cooperativos atuantes no estado do Rio de Janeiro: Sicoob, Sicredi e Unicred.

“O nosso desafio será acelerar a expansão do cooperativismo de crédito em nosso território, umas das maiores economias do Brasil, e nos tornarmos conhecidos por um número cada vez maior de pessoas”, disse o Dr. Luiz Antônio.

Já o presidente da Unicred Central RJ/MT, Dr. José Maria de Azevedo, disse que o cooperativismo tem tudo para dar certo, pois “o segmento acredita e dá valor às pessoas e que esse é a razão de existência do cooperativismo de crédito”.

Representando a presidente do Sicredi Rio, Dra. Denise Damian, o vice-presidente da instituição, Dr. Jorge Farha, afirmou que “o crescimento do cooperativismo de crédito passa pela união de esforços das três centrais atuantes no Rio de Janeiro”.

Clique Aqui e confira as fotos.

Reportagem: Richard Hollanda Comunicoop – Assessoria de Comunicação do Sistema OCB/RJ