Aprendizes viram vereadores por um dia

Aprendizes viram vereadores por um dia

Como é o trabalho de um vereador? Como é o dia-a-dia da Câmara Municipal? Como são feitas as sessões e o que é discutido? Estas e outras perguntas de alunos do Programa Aprendiz Cooperativo foram respondidas em 11 de setembro, durante visita à Câmara dos Vereadores de Niterói. Os jovens, além de conhecerem a Casa Legislativa, participaram de uma sessão simulada, onde puderam apresentar Projetos de Lei e debater os respectivos temas.

A visita fez parte da disciplina “Políticas Públicas”, que compõe a grade curricular do Programa, realizado pelo Sescoop- RJ em parceria com a Unimed Leste Fluminense.

Dois Projetos de Lei foram apresentados pelos aprendizes. Um estimulava o turismo em Niterói e outro, a reciclagem de materiais eletroeletrônicos. As duas iniciativas foram feitas em sala de aula, em grupos, em que cada estudante buscou informações que deram subsídios para os documentos.

Os dois Projetos foram entregues ao presidente da Câmara dos Vereadores de Niterói, Paulo Bagueira, que mostrou como é o trabalho de um vereador niteroiense e o funcionamento da casa. “As duas propostas apresentadas pelos estudantes foram excelentes, todas elas com profundo embasamento, mostrando o motivo de eles escolherem os respectivos temas, que podem muito bem serem levados à discussão entre os vereadores”, disse.

A experiência de virar vereador por um dia foi, para os aprendizes, algo extraordinário. Matheus Batista, por exemplo, virou presidente da Casa, e coordenou os debates acerca dos Projetos de Lei. “Achei algo novo e foi bastante estimulante. Geralmente, ficamos distantes do que é discutido pelo Poder Legislativo e, como consequência, ficamos sem saber como é o trabalho de um vereador. Com essa visita e a sessão simulada, entendi como é o trabalho realizado e a importância para a cidade”, afirmou o jovem.

Outros dois estudantes discursaram durante sessão: Nicoly Santos e Raphael Moraes. “Foi uma experiência única, um exercício de cidadania”, comentou Raphael. E Nicoly complementa: “Foi uma honra virar vereadora por um dia, pois a partir de agora verei o vereador com uma outra perspectiva”, finalizou a jovem.

Após a sessão simulada, os jovens visitaram o gabinete da presidência da Câmara e o arquivo geral da Casa Legislativa.

Reportagem: Richard Hollanda – Comunicoop- Assessoria de Comunicação do Sistema OCB/RJ