Parceria é tema do Festival Internacional da Cooperação

Parceria é tema do Festival Internacional da Cooperação

De 20 a 23 de abril ocorreu em Florianópolis, Santa Catarina, o Festival Internacional da Cooperação. O FICOO acontece a cada 18 meses, em diferentes regiões do país a cada edição. O objetivo é reunir pessoas e organizações para compartilhar conhecimentos e experiências a respeito da prática da cooperação no mundo.

No evento, cujo tema foi “Poder da Parceria”, os participantes tiveram momentos de partilha, comunicação, atualização, renovação, e também de confraternização. Por meio de um conjunto diversificado de palestras, rodas de conversa, oficinas, painéis, feira de serviços e produtos, apresentações artístico-culturais, vivências e outras intervenções colaborativas, todos puderam potencializar experiências e estimular a convivência e o trabalhar juntos para o bem comum.

Pelo Sistema OCB/RJ estiveram a representante do Ramo Educacional, Adelina Dia Mare, a conselheira do Sescoop-RJ, Inês Salles, o coordenador de Formação Profissional, Valdinei Calixto, a diretora pedagógica da Cooperar, Gisleine de Albuquerque Aquino, e as presidentes da Escola Fribourg, Euclides da Cunha e Coopgebell,  Flávia de Almeida Pinto, Jaqueline Campanati Biscacio e Rosângela Alves Gomes.

Na abertura, Cláudia Dias Baptista de Sousa, conhecida como Monja Coen Roshi, budista brasileira e missionária oficial da tradição Soto Shu com sede no Japão falou sobre autoconhecimento, parceria entre as pessoas e energias cooperativas.

“Não existimos sozinhos. Precisamos de encontros como esse para nos lembrar de que a cooperação é a verdadeira realidade e não uma alternativa”, disse.

Nas rodas de conversação, Terry Orlick, PHD em psicologia do esporte, pioneiro dos jogos cooperativos no mundo e fundador da Zona de Excelência, contou suas ricas vivências sobre como focar e desenvolver habilidades positivas para ser e estar no mundo.

“Se você estiver aberto para as oportunidades, elas se abrirão para você. O Poder da parceria está em criar empatia e abrir-se para o mundo de maneira positiva”, explicou.

Além dele, o educador, pedagogo e especialista em leitura e escrita, José Pacheco e a diretora geral do Colégio de Aplicação do Centro de Ciências da Educação da Universidade Federal de Santa Catarina, Josalba Ramalho conduziram os debates em torno do tema “O Poder da Parceria e a (Des)Educação no Séc. XXI”.

Outros temas tratados nas rodas de conversa fizeram associação entre o poder da parceria no mundo do trabalho, nas novas economias e nas comunidades.

Fonte: Bruno Oliveira – Analista de Comunicação do Sistema OCB/RJ