Cerci inaugura Sistema de Energia Solar Fotovoltaico

Cerci inaugura Sistema de Energia Solar Fotovoltaico

A cooperativa de Eletrificação Rural de Cachoeiras de Cachoeiras – Itaboraí (Cerci) inaugurou no dia 11 de março, em sua sede, um Sistema de Energia Solar Fotovoltaica.

Este é o primeiro projeto de Energia Solar implementado por uma cooperativa em todo o estado do Rio de Janeiro. No total, foram instaladas 24 placas que irão gerar energia por pelo menos 25 anos. Presidente da Cooperativa, José Carlos de Sousa Rocha, conhecido como Dudu, listou os principais benefícios:

“Com esse sistema de energia solar, serão mais de 40 árvores salvas por ano. A redução em kg. de CO2 será de kg.15,28/ ano (dados Estimados).A energia gerada em 12 meses pela Cerci pode atender a uma residência média por 4 anos e meio. A energia gerada por dia pode atender uma televisão por 120 horas”, listou o presidente, que contou que a ideia de implementar este Sistema de Energia Solar surgiu após viagem à Itália, no ano passado, onde, junto a diretores do Sistema OCB/RJ, pôde conhecer o atual estágio de desenvolvimento das cooperativas italianas e assim ampliar a base de conhecimento para construir um programa de fomento às energias renováveis no cooperativismo brasileiro.

Presente à inauguração, o diretor da OCB/RJ, Vinícius Mesquita, parabenizou a Cerci e destacou que a ideia é, a partir deste projeto piloto, implementar o mesmo Sistema nas demais cooperativas de eletrificação rural do Estado.

 Energia Fotovoltaica

O que é?

A Energia Fotovoltaica (solar) é uma das fontes mais limpas de geração de energia elétrica. Os sistemas fotovoltaicos, quando adequadamente dimensionados, instalados, operados e mantidos, são capazes de operar por longos períodos, de forma segura e confiável. A captação da energia solar ocorre através de placas de semicondutores onde um processo físico-químico transforma a energia solar diretamente em corrente elétrica. O sistema ofertado tem a concepção “grid on” ou conectado à rede da concessionária.

Este tipo de conexão foi regulamentado no início do ano de 2012 pela ANEEL, RN 482/2012.

Em poucas palavras, ele permite que as empresas gerem sua própria energia por sistemas sustentáveis (Eólico, fotovoltaico ou por biomassa), injetando energia na rede da concessionária nos momentos em que a geração é maior do que o consumo, e retirando energia da rede da concessionária nos momentos em que o consumo é maior do que a geração. Desta forma, a rede da concessionária pode ser considerada uma “bateria” do sistema.

Como funciona?

O Painel Solar gera a energia solar fotovoltaica O Painel Solar reage com a luz do sol e produz energia elétrica (energia fotovoltaica). Os painéis solares, instalados sobre o seu telhado, são conectados uns aos outros e então conectados no seu Inversor Solar

O Inversor Solar converte a energia solar para a sua casa ou empresa Um inversor solar converte a energia solar dos seus painéis fotovoltaicos (Corrente Continua – CC) em energia elétrica que pode ser usada em sua Casa ou Empresa para a TV, Computador, Máquinas, Equipamentos, e qualquer equipamento elétrico (Corrente Alternada – AC) que você precise usar.

 

Fonte: Bruno Oliveira – Analista de Comunicação do Sistema OCB/RJ (Informações extraídas do Facebook da Cooperativa de Eletrificação Rural de Cachoeiras – Itaboraí- Cerci)