Educadores de Mendes conhecem o Programa Cooperjovem

Educadores de Mendes conhecem o Programa Cooperjovem

A escola é um lugar imprescindível para a disseminação da cultura cooperativista em uma comunidade. Visto isso, o Sistema OCB/Sescoop-RJ, a Prefeitura de Mendes, o Instituto Sicoob e a cooperativa Sicoob Cremendes uniram forças para implantar o programa Cooperjovem em três escolas municipais.

Em uma primeira etapa, em 6 de fevereiro, durante a abertura da Semana Municipal Pedagógica, professores das escolas localizadas nos bairros de Água Fria, Martins Costa e Centro conheceram o Cooperjovem. O objetivo foi sensibilizar os docentes a adotarem práticas cooperativas na sala de aula com o intuito de inserir os jovens no mercado de trabalho e estimulá-los a formar novos empreendimentos cooperativos. Vale ressaltar que a iniciativa é um programa da Organização das Cooperativas Brasileiras (OCB), desenvolvido em âmbito nacional pelo Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo (Sescoop) desde o ano 2000, com o objetivo de fomentar o cooperativismo através das escolas. É uma proposta educacional, baseada na relação ensino-aprendizagem, construída a partir dos princípios e valores do cooperativismo.

A dinâmica foi conduzida pelos professores do programa Cooperjovem, Fábio Brotto e Iran Pittham, e pela representante do Instituto Sicoob, Silvana Lemos. O diretor do Sicoob Cremendes, Luís Eduardo Pereira Ramos, o assessor da presidência da OCB/RJ, Carlos Piragibe, a técnica de Promoção Social do Sescoop/RJ, Monique Neves, e o representante do Escritório Regional do Cooperativismo Centro Sul Fluminense, Sílvio Bruno, também participaram da atividade.

Presente no evento, a secretária Municipal de Educação e Cultura, Leandra Castro, citou os desafios que os professores terão pela frente. “São bons desafios, o tempo integral será implantado nas escolas e contamos com a melhoria na educação. Desejo sucesso a todos os professores com esse novo projeto”, disse.

Atividades

Durante a apresentação do Cooperjovem, foram promovidas algumas atividades. A representante do Instituto Sicoob, Silvana Lemos, apresentou o programa Cooperjovem, citando os objetivos atrelados aos princípios cooperativistas, e mostrou a programação dos próximos encontros, que acontecerão em março. Depois, o professor Iran Pittham citou a metodologia que será utilizada e interagiu com os professores.

Em seguida, o professor Fábio Brotto iniciou uma dinâmica que levou os mestres à reflexão sobre a importância do Cooperativismo no dia-a-dia. “Jovens e adultos estabelecem conexões significativas e a cooperação nasce da necessidade de um ajudar ao outro”, analisou Fábio.

A rede municipal de ensino Mendense é composta por 10 escolas, com 140 professores da Educação Infantil ao 5° ano e 33 educadores do 6° ao 9° ano, que atendem aproximadamente dois mil alunos. Presente durante toda a atividade, a professora e coordenadora de educação em tempo integral do município, Ellen Barbosa da Rocha, agradeceu o empenho de todos e aposta em um futuro de sucesso nas escolas da cidade.

“Esse primeiro contato foi ótimo, bem animado e nos deixa uma reflexão: que o esforço de um depende do empenho de todos. Juntos faremos um trabalho excelente na educação dos jovens em nossa cidade”, concluiu a educadora.

Programa

O Cooperjovem é voltado para professores, técnicos de cooperativas e alunos, e oferece formação/capacitação continuada dentro dos princípios e valores cooperativistas aos estudantes do ensino fundamental e médio. Ao todo, mais de 400 colégios do Brasil e 80 mil alunos estão aprendendo, na prática, o valor da cooperação.

 

Fonte: Júlio Camacho – Comunicoop – Assessoria de Comunicação do Sistema OCB/RJ