OCB/RJ entrega primeiros registros provisórios em 2016

OCB/RJ entrega primeiros registros provisórios em 2016

O ano de 2016 continua com o processo de aproximação da OCB/RJ com as cooperativas. E corroborando com isso, a instituição entregou oito registros provisórios a cooperativas. A entrega dos documentos ocorreu na sede do Sistema OCB/Sescoop-RJ, em 2 de fevereiro. Cooperativas dos segmentos Consumo, Trabalho e Transporte foram contempladas.

Entre as cooperativas que receberam o registro, estão: Cooperativa de Trabalho dos bancários e ex-bancários (Coobancap), Cooperativa de proprietários de vans de Paraíba do Sul (Coopsul), Cooperativa de Trabalho dos bancários, ex-bancários e autônomos da Baixada (Coopconsult) e a Cooperativa para o bem estar dos bancários e ex-bancários de Cabo Frio (Coopbem), 

Também foram contempladas a Cooperativa de Consumo dos bancários e ex-bancários da cidade do Rio de Janeiro (Coopsórios), Cooperativa de Trabalho dos profissionais da área financeira do município do Rio de Janeiro (Coprofinrj), Cooperativa de Trabalho e Serviços em Saúde Domiciliar (Confiar Saúde) e a Cooperativa de Transporte BR3 (CooperBR3).

A entrega dos registros foi feita pelo presidente do Sistema OCB/Sescoop-RJ, Marcos Diaz, e pelo vice-presidente, Jorge Meneses. Em sua fala, Diaz colocou o Sistema a disposição das cooperativas.  “O Sistema é a casa das cooperativas e nosso interesse é coletivo, sabemos das dificuldades das cooperativas e temos princípios a seguir. É preciso que elas usufruam de todos os direitos que o Sistema oferece, participando dos cursos para adquirir a cultura cooperativista e saberem a real situação de vocês”, declarou.

O vice-presidente Jorge Meneses comentou o fato de muitos dirigentes já participarem das capacitações oferecidas pelo Sistema OCB/Sescoop-RJ. “Vocês são diferenciados em relação aos demais que já se registraram, pois já fizeram cursos, sabem de fato como funciona uma cooperativa. A cooperativa tem que ter trabalho e ter uma boa gestão para ter sucesso”, completou.

Para o presidente da Coopbem, Carlos Eduardo, o registro é importante devido à toda sustentação que o Sistema OCB/Sescoop-RJ oferece. “A importância de estar junto com a OCB é pelo apoio que nos vai ser dado na parte de regulamentação, legislação e tributário, para que possamos desenvolver melhor nossa cooperativa”, analisou.

PDGC

O Programa de Desenvolvimento da Gestão das Cooperativas foi um dos pontos destacados pelo coordenador de Monitoramento do Sescoop-RJ, Jorge Pecly. Ele reiterou a importância das cooperativas de se inscreverem no programa, onde elas passam por uma sequência de avaliação e consultoria para mapear pontos fortes e oportunidades, criando processos de otimização e, muitas vezes, de reestruturação.

“O PDGC é de fundamental importância para as cooperativas. Desenvolvemos esse programa para a sociedade cooperativista de todos os ramos, que serve para acompanhar as cooperativas e saber se

estão atuando nas conformidades. Esperamos poder colaborar ainda mais neste ano”, afirmou.

Registro

O Registro Provisório vale por um ano, período em que a cooperativa é avaliada. Caso sejam sugeridas alterações, deve adequar-se para receber o Definitivo. Durante esse tempo, as instituições já podem solicitar cursos de capacitação junto ao Sescoop/RJ. 

Fonte: Julio Camacho – Montenegro Comunicação – Assessoria de Comunicação Sistema OCB/Sescoop-RJ