Área contábil é tema discutido em curso

Área contábil é tema discutido em curso

A área contábil foi o mote do segundo módulo do Curso Preparatório para Cargos de Conselheiros Fiscais e Conselheiros Administrativo.  A capacitação aconteceu no dia 28 de janeiro, no auditório do Sistema OCB/Sescoop-RJ. Por ser um tema importante, o espaço ficou cheio e aproximadamente 40 cooperados participaram da formação, que foi ministrada pelo assessor contábil da OCB/RJ, Benício Pires.

Vale ressaltar que no dia 26 de janeiro o Sistema OCB/Sescoop-RJ promoveu o primeiro módulo da formação, voltada para a área administrativa. O objetivo do curso foi aperfeiçoar o trabalho dos conselheiros, definindo com clareza as atribuições e as responsabilidades dos membros dos conselhos.

Entre os temas que foram abordados no segundo módulo, estão:  Finanças empresariais, Administração de conflitos, Responsabilidade Social e Sustentabilidade, entre outros.

O vice-presidente do Sistema OCB/Sescoop-RJ, Jorge Meneses, compareceu na capacitação. Em sua fala, disse que a capacitação das cooperativas é uma das ações que o Sistema OCB/Sescoop-RJ sempre disponibiliza aos cooperativistas. “Estamos sempre à disposição das cooperativas e é importante que tudo o que foi passado na teoria seja colocado em prática”, afirmou.  

Participaram da formação os representantes das cooperativas Uniodonto Rio, Uniodonto Duque de Caxias, Sicoob Coopvale, Coopconsult, Coopybaby, Coprerj, Coopaba, Sicoob Cecremef, Coopbanfinrj, Coopsocios, Coopgbell, Coproverj, Coopemabam, Coobancop e Coprofin-RJ. Dentre essas, haviam cooperados dos ramos Crédito, Saúde, Habitacional, Consumo, Trabalho e Saúde.

O representante da Coopconsult, Luiz França, falou da importância do curso. “É fundamental para as pessoas terem consciência independente do cargo que ocupa na cooperativa, onde todos têm a mesma responsabilidade do que um presidente. Se dá lucro ou prejuízo a responsabilidade é de todos. E a contabilidade é fundamental para saber esses assuntos. Nesse curso os contadores conseguem ter a medida de como as funções se completam”, disse.

Fonte: Julio Camacho – Montenegro Comunicação – Assessoria de Comunicação Sistema OCb/Sescoop-RJ